Geoprocessamento aplicado ao diagnóstico de uso e ocupação do solo da bacia hidrográfica do córrego Guaribas em Uberlândia – MG

Erich Vectore Pavanin, Maria Lígia Chuerubim, Bruno de Oliveira Lázaro, Luiz Nishiyama

Resumo


Este trabalho estabelece um diagnóstico do uso e ocupação do solo da Bacia Hidrográfica do Córrego Guaribas, localizada em Uberlândia – MG, por meio da utilização e aplicação de geotecnologias e técnicas de geoprocessamento. A região de estudo se configura como uma área de grande influência para a expansão urbana no município de Uberlândia, o que evidencia a necessidade da elaboração de estudos acerca da dinâmica do uso e parcelamento do solo a fim de promover ferramentas importantes para o planejamento e infraestrutura urbana regional e sua concomitância com a preservação dos recursos ambientais e populações existentes neste ecossistema. Neste aspecto, a utilização de geotecnologias desponta como um importante instrumento para a efetivação de políticas de gestão territorial e engenharia urbana e auxiliam na promoção do desenvolvimento urbano sustentável. Desta maneira, este trabalho utilizou imagens de satélite Quickbird, e os softwares livres Google Earth e SPRING com o intuito de promover uma análise da evolução do uso e ocupação do solo na área de drenagem do Córrego Guaribas, procurando relacionar este processo com outros parâmetros a fim de estabelecer escopos para melhorias na gestão territorial da região.


Palavras-chave


Engenharia urbana, geotecnologias, geoprocessamento, uso e ocupação do solo, bacia hidrográfica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18256/2358-6508/rec-imed.v3n2p24-38

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Revista de Engenharia Civil IMED

Licença Creative Commons
Este obra de Revista de Engenharia Civil IMED está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

ISSN 2358-6508

 Indexadores

 miar.png logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png 
   SHERPA-RoMEO-long-logo.gif