As tecnologias da informação e comunicação na (des)construção das relações humanas contemporâneas: implicações do uso do aplicativo Tinder/ The information and communication technologies in (des)construction of contemporary human relations: implications o

Rafael Santos de Oliveira, Bruno Mello Corrêa de Barros, Gil Monteiro Goulart

Resumo


O artigo trata da utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação, em especial do aplicativo digital Tinder, e sua relação com a mudança de comportamento dos indivíduos e das relações humanas. Analisa as implicações do uso de ferramentas tecnológicas na busca e na construção de relações e interações sociais. O problema que norteou a pesquisa foi o seguinte: quais as implicações e os riscos advindos de uma mudança comportamental pautada na construção de relações sociais virtuais? O artigo desdobra-se em três eixos basilares: o primeiro deles destinado a tratar da utilização das TIC e dos aplicativos; o segundo ponto corresponde às dinâmicas postas na malha social, cujas prerrogativas baseiam-se nas relações fluidas e efêmeras, na criação de estereótipos, bem como na busca pela satisfação instantânea. Já o terceiro item tem a função precípua de tratar a respeito do estudo de caso, ou seja, concernente ao "Tinder" e às suas demandas, as implicações decorrentes e sua funcionalidade como ferramenta tecnológica de construção de relações sociais. O método de abordagem utilizado foi o dedutivo, cuja ancoragem se dá nos meios informacionais e tecnológicos para fomento e formação de relações sociais, também se utilizou o método de procedimento monográfico ou de estudo de caso, baseando a análise em aplicativo específico, aporte legal e doutrinário.

Palavras-chave:  Tinder; relações virtuais; tecnologias da informação e comunicação;

ABSTRACT: The article deals with the use of Information and Comunication Technologies, in particular the digital applicative Tinder, and its relation to the behavior change of individuals and of human relations. It analyzes the implications of the use of technological tools on the search and the build of relationships and social interactions. The problem that guided the research was the following: what are the implications and risks arising from a behavioral change guided  on the construction of virtual social relationships? The article unfolds in three basic areas: the first one intended to treat the use of ICT and applications; the second point corresponds to the dynamics put on the social network, whose prerogatives are based on fluid and ephemeral relationships, stereotyping, and the quest for instant gratification. The third item has the primary function of treating about the case study, id est, concerning the "Tinder" and their demands, implications and its functionality as a technological tool to build social relationships. The approach method used was the deductive, whose anchor is given on the informational and technological means to development and training of social relations, also used the monographic method of procedure or case study, basing the analysis on a specific application, legal and doctrinaire contribution.

Keywords: Tinder; virtual relations; information and communication technologies.

 


Palavras-chave


Tinder; relações virtuais; tecnologias da informação e comunicação;

Texto completo:

PDF HTML

Referências


ASCENSÃO, José de Oliveira. Direito da Internet e Sociedade da Informação. Rio de Janeiro: Forense, 2002.

BAUMAN, Zygmunt. Amor líquido: sobre a fragilidade dos laços humanos. Trad. Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2004.

BAUMAN, Zygmunt. Comunidade: a busca por segurança no mundo atual. Rio de Janeiro: Zahar, 2003.

BAUMAN, Zygmunt. Globalização: as consequências humanas. Tradução de Marcus Penchel. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1999.

BBC Brasil. Adolescente de 14 anos cria software para reduzir cyberbullying. Portal BBC Brasil. 21. Ago 2014. Disponível em: . Acesso em: 11 mar 2015.

BERNARDES, Marciele Berger. Democracia na Sociedade Informacional. São Paulo: Saraiva, 2013.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil: promulgada em 5 de outubro de 1988. Brasília, DF: Senado Federal. Disponível em: . Acesso em: 16 fev. 2015.

CAMARGO, Nelly. Comunicação de Massa: O Impasse brasileiro. Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 1978.

CANALTECH. Tinder registra recorde no número de usuários ativos e downloads no Brasil. Disponível em: . Acesso em: 10 mar. 2016.

CANCLINI, Nestor García. Leitores, espectadores e internautas. Trad. Ana Goldberger. São Paulo: Iluminuras, 2008.

CARDOSO, Gustavo. A mídia na sociedade em rede. Rio de Janeiro: FGV, 2007.

CASTELLS, Manuel. Redes de Indignação e Esperança. Rio de Janeiro: Zahar, 2013.

CASTELLS, Manuel. O poder da identidade: A era informação, economia, sociedade e cultura. V. 2. 6. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

CASTELLS, Manuel. A Sociedade em Rede. 6.ed. Trad. Roneide Venâncio Majer. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2007.

CASTELLS, Manuel. A galáxia da internet: reflexões sobre a internet, os negócios e a sociedade. Rio de Janeiro: Zahar, 2003.

CREMADES, Javier. Micropoder - a força do cidadão na era digital. São Paulo: SENAC, 2009.

ÉPOCA. Tinder o novo aplicativo de paquera. Revista Época. Globo.com., 05 Out. 2013. Disponível em: . Acesso em: 1 mar. 2015.

FERNANDES NETO, Guilherme. Direito da Comunicação Social. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2004.

JENKINS, Henry. Cultura da Convergência. Trad. Susana Alexandria. São Paulo: Aleph, 2008.

LÈVY, Pierre. A inteligência Coletiva: por uma antropologia do ciberespaço. 5. ed. Traduzido por Luiz Paulo Rouant. São Paulo: Loyola, 2007.

MATTELART, Armand. História da sociedade da informação. São Paulo: Edições Loyola, 2002.

MATTELART, Armand. La mundializacíon de la comunicacíon. Trad. Orlando Carreño.Barcelona: Paidós, 1998.

OLHAR DIGITAL. Ministério da Saúde usa Tinder em Campanha contra a AIDS. Portal UOL, 11 Fev. 2015. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2015.

O GLOBO. Aplicativo ‘Rastreador de Namorado’ promete ‘vigiar’ parceiro. Portal O Globo.com. 16. ago 2013. Disponível em: . Acesso em: 11 mar 2015.

RANGEL, Ricardo Pedreira. Passado e futuro da era da informação. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1999.

RECUERO, Raquel. Redes sociais na internet. Porto Alegre: Sulina, 2009.

ROSA, Artmut. Accélération. Une critique social du temps. Paris: La Découverte, 2010. ROSA, Artmut. Aliénation et acceleration. Vers une théorie critique de la modernité tardive. Paris: La Découverte, 2010.

TINDER. Descrição. Google Play Disponível em: . Acesso em: 15 Fev. 2015.




DOI: https://doi.org/10.18256/2238-0604/revistadedireito.v12n1p88-99

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 2238-0604

Licença Creative Commons
Revista Brasileira de Direito está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Indexadores

    
Periódicos CAPES  googlelogo_scholar.png
DOAJ.jpg
  
Diadorim.jpg
 
 dialnet.png
latindex.jpg
 
 logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png

 
circ.png
 
 miar.png

logo_base.gif
 
 
 logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png
 
CiteFactor2.png
  
Scilit logo