O processo infeccioso da COVID-19 no regime de dados no Brasil: a LGPD como vacina em teste no tratamento de dados pessoais no setor público

José Sérgio da Silva Cristóvam, Tatiana Meinhart Hahn

Resumo


O artigo aborda os fundamentos normativos da coleta de dados estatísticos, o surgimento e a aplicação da Política de Dados Aberto (PDA) no Brasil, especialmente no que se refere aos dados de saúde. A partir do tratamento de dados realizados pelo Poder Público, demonstra-se o espaço comum que une esses dois conceitos à proteção de dados pessoais. Na segunda parte, diante do contexto atual de pandemia, são apresentados exemplos de ações do Governo federal quanto aos dados de saúde e como as ações estatais nessa matéria foram recebidas pelo Poder Judiciário e pela sociedade civil. Por fim, busca-se demonstrar como a gestão de dados abertos deve estar atrelada à proteção de dados pessoais enquanto instrumental à sinergia do setor público com o privado. A metodologia adotada é a dedutiva e a técnica de pesquisa é indireta com fonte bibliográfica.


Palavras-chave


Dados abertos; Dados estatísticos; Dados pessoais; COVID-19; Poder Público

Texto completo:

PDF

Referências


ARENDT, Hannah. Entre o passado e futuro. 6. ed. São Paulo: Perspectiva, 2007.

ÁVILA, Humberto. Constituição, liberdade e interpretação. São Paulo: Malheiros, 2020.

BOBBIO, Noberto. Teoria da norma jurídica. São Paulo: Edipro, 2011.

CARSANA, Luca, et al. Pulmonary post-mortem findings in a series of COVID-19 cases from northern Italy: a two-centre descriptive study. The Lancet, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.1016/S1473-3099(20)30434-5. Acesso em: 9 ago. 2020.

CRISTÓVAM, José Sérgio da Silva. Administração Pública democrática e supremacia do interesse público: novo regime jurídico-administrativo e seus princípios constitucionais estruturantes. Curitiba: Juruá, 2015.

CRISTÓVAM, José Sérgio da Silva. O direito administrativo no divã do Estado constitucional de direito: a travessia da legalidade para a juridicidade administrativa. Revista da ESMESC, Florianópolis, vol. 21, n. 27, p. 195-228, 2014.

CRISTÓVAM, José Sérgio da Silva; SAIKALI, Lucas Bossoni; SOUSA, Thanderson Pereira de. Governo Digital na Implementação de Serviços Públicos para a Concretização de Direitos Sociais no Brasil. Revista Seqüência, Florianópolis, n. 84, p. 209-242, abr. 2020. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/sequencia/article/view/2177-7055.2020v43n84p209/43642. Acesso em: 7 ago. 2020.

CRISTÓVAM, José Sérgio da Silva; HAHN, Tatiana Meinhart. Automation mechanisms applied in the legal practice of the brazilian federal Public Administration. International Journal of Advanced Engineering Research and Science (IJAERS), Jaipur (IN), v. 7, n. 8, p. 69-79, ago. 2020. Disponível em: https://ijaers.com/detail/automation-mechanisms-applied-in-the-legal-practice-of-the-brazilian-federal-public-administration/. Acesso em: 16 ago. 2020.

GOZGOR, Giray. Global Evidence on the Determinants of Public Trust in Governments During the COVID-19. CESifo Working Paper n.8313, 2020. Disponível em:

IBGE. Confidencialidade no IBGE. Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101636.pdf. Acesso em: 30 jul. 2020.

LEVITSKY, Steven; ZIBLATT, Daniel. Como as democracias morrem. Rio de Janeiro: Zahar, 2018.

MENDES, Laura Schertel; BIONI, Bruno R. Regulamento Europeu de Proteção de Dados Pessoais e a Lei Geral Brasileira de Proteção de Dados: mapeando convergências na direção de um nível de equivalência. In: Ana Frazão; Gustavo Tepedino; Milena Donato. (Org.). Lei Geral de Proteção de Dados e suas repercussões no direito brasileiro. São Paulo: Thomson Reuters, 2019. p. 797-819.

OECD. The Path to Becoming a Data-Driven Public Sector. OECD Digital Government Studies. OECD Publishing, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1787/059814a7-en. Acesso em: 4 ago. 2020.

OGP. A Guide to Open Government and the Coronavirus. Disponível em: https://www.opengovpartnership.org/wp-content/uploads/2020/06/OGP-Guide-to-Open-Gov-and-Coronavirus.pdf. Acesso em: 3 ago. 2020.

RANCIÈRE, Jacques. O ódio à democracia. São Paulo: Boitempo, 2014.

ROUSSEAU, Jean-Jacques. Discurso sobre a economia política. Editora Vozes: Rio de Janeiro, 2017. Edição do Kindle.

SAAD-DINIZ, Eduardo; URBAN, Mariana. Why Brazil’s COVID-19 Response is Failing? Disponível em: https://www.theregreview.org/2020/06/22/urban-saad-diniz-brazil-covid-19-response-failing/. Acesso em: 23 jul. 2020.

VIEIRA, Oscar Vilhena. A batalha dos poderes. Companhia das Letras: São Paulo, 2018.




DOI: https://doi.org/10.18256/2238-0604.2020.v16i3.4306

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 2238-0604

Licença Creative Commons
Revista Brasileira de Direito está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Indexadores

    
Periódicos CAPES  googlelogo_scholar.png
DOAJ.jpg
  
Diadorim.jpg
 
 dialnet.png
latindex.jpg
 
 logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png

 
circ.png
 
 miar.png

logo_base.gif
 
 
 logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png
 
CiteFactor2.png
  
Scilit logo
 erihplus.png