Processos de negócios na cadeia de suprimentos: um estudo em incubadoras de empresas

Mauro Vivaldini, José Eduardo Soriano

Resumo


Incubadoras de empresas trabalham no desenvolvimento de pequenas empresas, manifestando-se através dos conhecidos polos ou parques industriais, núcleos de gestão e inovação, parques tecnológicos, etc. Este artigo por meio do estudo de 11 empresas em uma incubadora do interior do Estado de São Paulo analisa como são entendidos e praticados os processos de negócios da cadeia de suprimentos (CS). Utilizou-se como referência o trabalho apresentado por Lambert et al. (1998) a respeito deste conceito. Como resultado da pesquisa observou-se a ausência e o desconhecimento, na grande maioria, da aplicação destes processos.


Texto completo:

PDF

Referências


ANPROTEC - Associação Nacional das Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (2010). Acesso em Out. 2010 no site: .

Collis, J., Hussey, R. (2005). Pesquisa em Administração. Porto Alegre, Editora Bookman.

Christopher, M. (1997). Logística e Gerenciamentos da Cadeia de Suprimentos: estratégias para redução de custos e melhoria dos serviços. São Paulo: Pioneira.

Croxton, K.L., Garcia-Dastugue, S.J., Lambert, D. M., Rogers, D.S. (2001). The Supply Chain management processes. The International Journal of Logistics Management. v. 12, n. 2, p. 13-36.

Dornelas, J. C. A. (2002). Planejando Incubadoras de empresas: como desenvolver um plano de negócios para incubadoras de empresas. Rio de Janeiro: Campus.

Eisenhardt, K. M. (1989). Building theories from case study research. Academy of Management Review, v. 14, n. 4, pp. 532-550.

INCUBADORA DE EMPRESAS DE GUARULHOS (2010). Acesso em: dez. 2010. Disponível em: .

INCUBADORA DE EMPRESAS DE JUNDIAÍ (2010). Acesso em: dez. 2010. Disponível em: .

INCUBADORA DE EMPRESAS DE PIRACICABA (2010). Acesso em: dez. 2010. Disponível em: .

INCUBADORA DE EMPRESAS DE SANTOS. (2010). Acesso em: dez. 2010. Disponível em: .

Lambert, D. M., Cooper, M. C., Pagh, J.D. (1998). Supply chain management: implementation issues and research opportunities. The International Journal of Logistics Management. v. 9, n. 2, p. 2.

Lambert, D.M. (2010). Customer relationship management as a business process. Journal of Business & Industrial Marketing. 25/1, pp. 4-17.

Miguel, P. A. C. (2007). Estudo de caso na engenharia de produção: estruturação e recomendações para sua condução. Produção, v. 12, n. 1, p. 216-229, jan/abr.

Raupp, F. M., Beuren, I.M. (2006). O suporte das incubadoras brasileiras para potencializar as características empreendedoras nas empresas incubadas. R. Adm., São Paulo, v. 41, n. 4, p. 419-430, out./nov./dez.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio as Empresas. Acesso em: out. 2010. Disponível em: .

Silva, S.A. (2009). A relevância das incubadoras de empresas no mundo contemporâneo. Ponto-e-vírgula, v. 6, n. 1, p. 235-251.

Singh, P. F., Power, D. (2009). The nature and effectiveness of collaboration between firms, their customers and suppliers: a supply chain perspective. Supply Chain Management: An International Journal, 14/3, p.189-200.

Vivaldini, M., Pires, S.R.I. (2010). Operadores logísticos: Integrando operações em cadeias de suprimento. São Paulo, Atlas.

Wright, J.T.C & Giovanazzo, R.A. (2000). Delphi – Uma Ferramenta de apoio ao Planejamento Prospectivo. Caderno de Pesquisas em Administração, São Paulo, v. 1, n. 12.




DOI: https://doi.org/10.18256/2237-7956/raimed.v4n3p286-299

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






Revista de Administração IMED (RAIMED)               ISSN: 2237-7956                Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA/IMED)

Faculdade Meridional – IMED – www.imed.edu.br – Rua Senador Pinheiro, 304 – Bairro Rodrigues – 99070-220 – Passo Fundo – RS – Brasil Tel.: +55 54 3045 6100

 Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.