Características compositivas de azulejos de época de Lisboa, Belém do Pará e sul do Brasil

Renata Ferrari Curval

Resumo


Este trabalho tem como finalidade a análise comparativa entre azulejos de fachada do século XIX, nas cidades de Lisboa, Portugal, Belém do Pará e Rio Grande, no Brasil. Tais cidades foram escolhidas por possuírem acervo azulejar de época e, também pelo fato das respectivas possuírem azulejos de mesmo padrão para comparação, o que permite, de modo mais eficaz, uma análise minuciosa e precisa. Para tal, serão analisados biscoitos do padrão azulejar conhecido como barba de gato, que originalmente tem sua produção na cidade do Porto, Portugal. Possui inúmeras variações de padrão e está presente nas três cidades em questão. O trabalho constará de análise de difração de raios- x (DRX) pelo método do pó, microscopia eletrônica de varredura com EDS. Com isso pretende-se mostrar a composição mineralógica destas peças para posterior estudo de sua importância nas técnicas de restauro e prevenção de patologias

Palavras-chave


azulejaria, fachada, análise mineralogica, comparação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18256/2318-1109/arqimed.v4n1p89-93

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 2318-1109

Licença Creative Commons
Este obra da Revista de Arquitetura Imed está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 Indexadores

Diadorim.jpg   
  miar.png
logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png