A percepção de diferentes grupos de usuários sobre a A Copa do Mundo de 2014: a questão das remoções na cidade de Porto Alegre/RS

Gabriela Costa da Silva, Adriana Araujo Portella, Gisele Pereira

Resumo


A pesquisa aborda questões relacionadas às remoções forçadas de famílias em função de obras destinadas a preparação das cidades-sede no Brasil para a Copa de 2014. O objetivo central é investigar a percepção de diferentes grupos de usuários quanto ao megaevento, analisando diferentes olhares a cerca do mesmo. Para isso, teve como estudo de caso a cidade de Porto Alegre/RS, dado que essa, assim como as demais cidades-sede, apresentou investimentos para atender ao megaevento desencadeando remoções em diferentes pontos da capital. Além disso, Porto Alegre é a terceira cidade com maior número de remoções do país, visto que São Paulo e Rio de Janeiro, que ocupam as primeiras posições, apresentam maiores desapropriações em consequência do maior número de habitantes. Ainda, comparado com Curitiba/PR, que também foi cidade-sede representando o sul do país, a capital gaúcha apontou cinco vezes mais pessoas removidas em razão do megaevento. Assim, teve-se a duplicação da Avenida Tronco como objeto de estudo, visto que a obra, de acordo com a Prefeitura Municipal de Porto Alegre, seria o grande destaque por existir um projeto social. A coleta de dados consistiu em dois momentos: (i) levantamento de arquivo e (ii) levantamento de campo. O primeiro forneceu as informações sobre o projeto viário, obtendo subsídios para iniciar o levantamento de campo. O segundo, dividiu-se em observações de campo, questionários, entrevistas, grupo focal e desenhos. Destaca-se que os métodos foram aplicados em diferentes grupos de usuários: as pessoas que sofreram com o processo de remoção e as que não passaram por tal processo. Logo, espera-se que os resultados da pesquisa sirvam como subsídio teórico para próximos megaeventos, a fim de que haja maior atenção às remoções, visto que essas devem ser realizadas sem a violação dos direitos humanos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18256/2318-1109/arqimed.v4n1p59-67

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 2318-1109

Licença Creative Commons
Este obra da Revista de Arquitetura Imed está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 Indexadores

Diadorim.jpg   
  miar.png
logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png