Contribuições da arborização para o conforto ambiental e a eficiência energética urbana

Lizia De Moraes De Zorzi, Giane de Campos Grigoletti

Resumo


Vivemos em um momento de crescente conscientização sobre a importância da sustentabilidade das cidades. Apesar disso, ainda há pouca evolução na busca por alternativas que promovam eficiência energética na escala urbana, tendo destaque, em nível nacional, apenas o Programa Reluz, que trata da substituição de sistemas de iluminação pública e semáforos. O aumento na temperatura dos espaços construídos e a crescente presença de ilhas de calor urbano chamam a atenção para a necessidade de estratégias para minimizar os danos causados pela urbanização e aumentar o conforto térmico de modo mais sustentável, reduzindo, assim, a necessidade de equipamentos para a climatização artificial e o consumo de energia elétrica. Este estudo tem por objetivo identificar como a arborização urbana pode favorecer a eficiência energética das cidades e as contribuições dos principais estudos realizados sobre o tema. A metodologia adotada para tal baseou-se no estudo de revisão de literatura. O estudo apontou diversos benefícios da arborização na redução dos impactos resultantes da intensa urbanização, principalmente através da moderação climática e da conservação de energia. Nos casos apresentados foram constatadas diferenças de até 11,7°C e entre 10 e 12 horas de temperaturas do ar mais frias nas áreas arborizadas em comparação com áreas mais densificadas e, até 20°C de diferença de temperatura de superfície. Também foram observadas mudanças na velocidade dos ventos, com redução de até 46%, além de um aumento na quantidade e constância da umidade do ar. Estes dados confirmam o potencial da arborização como ferramenta para o planejamento urbano mais sustentável e chamam a atenção para a importância do seu conhecimento por parte dos planejadores para o melhor aproveitamento das potencialidades das espécies.


Palavras-chave


Arborização urbana; Ilha de calor urbano; Eficiência energética.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18256/2318-1109/arqimed.v5n2p75-84

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 2318-1109

Licença Creative Commons
Este obra da Revista de Arquitetura Imed está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 Indexadores

Diadorim.jpg   
  miar.png
logos_DOI_CrossRef_CrossChek.png